Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

 






Como tratar a Psoriase

por Dicas e Manhas, Domingo, 27.10.13

Dicas para reduzir o aparecimento da psoriase:


É uma doença crónica, hiper-proliferativa da pele, de origem desconhecida, aparece na pele com vários graus de severidade e distribuição.  Normalmente só a pele é afectada, não sendo observado qualquer comprometimento de outros órgãos ou sistemas. São atingidos tantos os homens como as mulheres, surge quase sempre na faixa etária dos 20, 30 e 40 anos principalmente nas pessoas de pele clara. A doença é rara nas pessoas de raça negra, asiática e índios. Nos esquimós esta doença não existe. A psoríase é caracterizada

por manchas vermelhas na pele, extensas e escamosas que ocorrem mais frequentemente no tronco, cotovelos, joelhos e couro cabeludo. As crises tendem a ser esporádicas e pensa-se que é uma doença auto-imune.

 

A psoríase é uma doença que afecta, em graus variados, perto de 5% da população e para a qual não existe, infelizmente, qualquer tratamento farmacêutico ou nutricional realmente eficaz. 
> Contudo, o ácido fumárico e alguns dos seus derivados são utilizados há mais de 30 anos com algum êxito, na Europa do Norte e nos Estados Unidos, para acalmar as comichões, a descamação e o desconforto característicos da psoríase. 
> O ácido fumárico forma-se naturalmente na pele quando esta é exposta ao sol, mas em caso de psoríase este processo é deficitário, sendo necessária uma exposição prolongada. 
> Vários dos estudos mais positivos, eficazes em 80% dos pacientes, combinaram a administração de derivados farmacêuticos de ácido fumárico com uma dieta muito restritiva. O Dr. Ward Dean, que utilizou o ácido fumárico nos seus pacientes, declara: "Trata-se do único produto eficaz, mesmo muito eficaz, em perto de 80% dos casos e é muitas vezes considerado como uma benção pelos indivíduos que sofrem da doença." Recomenda a sua utilização em conjunto com ácido gama-linolénico (GLA). 
> Ao contrário de alguns dos seus derivados farmacêuticos, o ácido fumárico - um composto natural que participa no ciclo de Krebs - é extremamente seguro e faz parte da lista "GRAS" (Generally Recognized As Safe = geralmente reconhecido como seguro) estabelecidade pela Food and Drug Administration (FDA). O único efeito secundário possível é um "rubor" inofensivo, comparável ao originado pela niacina, ao qual se cria rapidamente uma tolerância.

 

Cuidados para quem tem Psoriase:

  • A exposição moderada ao sol é considerada benéfica.
  • Infecções por vírus podem desencadear a psoríase. Para quem sofre de HIV, a pele pode se alterar de forma negativa.
  • Para quem está sob stress, existe maiores probabilidades de desencadear esta doença ou para quem a tem agravá-la.
  • As drogas como o tabaco, o álcool e alguns medicamentos como anti-inflamatórios e analgésicos não devem ser usados por estes doentes.
  • As pessoas com esta doença devem ter cuidado com as variações do clima, e informar sempre o seu dentista sobre a doença, os remédios que toma para que sejam tomadas precauções.

Melhore a digestão de proteínas

A má digestão das proteínas cria toxinas que podem contribuir para a psoríase.

 

Desintoxicação com salsaparrilha

salsaparrilha ajuda a desintoxicar o corpo e, na forma de chá, possui uma longa história no tratamento de doenças de pele.

O chá de salsaparrilha ajuda no combate da psoriase, uma doença de pele caracterizada por manchas vermelhas que aparecem no tronco, cotovelos, joelhos e couro cabeludo. Este chá ajuda a desintoxicar o corpo e atenuar estas manchas inestéticas….


Reduza a inflamação

Os ácidos gordos essenciais ómega-3 ajudam a diminuir os componentes inflamatórios da psoríase. Coma peixes de água fria, como o salmão, as sardinhas e a cavala, pelo menos três vezes por semana, e tome uma colher de sopa de óleo de linhaça diariamente.

 

Cura pelo sol

Tomados com sensatez, alguns banhos de sol semanais (cuidado para não queimar a pele) podem, em geral, ajudar a sarar as manchas de escamas características da psoríase.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Dicas e Manhas às 19:31


2 comentários

De Roberval de Oliveira Gomes a 21.02.2017 às 11:39

Bom dia! sofria há mais de 15 anos com a psoríase nas coxas, costas e couro cabeludo. Tentei várias formas de amenizar com produtos naturais e industriais, manipulação, etc. Até que uma dermatologista acertou comigo. Passou doses de Ácido Fólico 5mg diárias e duas vezes por semana Metotrexato 2,5mg, que é alternado com Ácido Fólico.
Essa prescrição foi feita de acordo com as minhas características, não servindo pra qualquer um (por isso um médico deve ser consultado). A melhora foi impressionante! O que tenho hoje apenas manchas suaves na pele e sem ressecamento. A melhora foi de 90%. Gostaria de compartilhar com outras pessoas. Obrigado.

De Dicas e Manhas a 24.02.2017 às 11:05

O Dicas agradece a sua participação e informação.

Cumprimentos.

Comentar post









Google +